quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Nada mudou no Quarteirão Italiano

Tribuna de Petrópolis - 18/01/2012

A mudança das aulas de autoescolas para o Quarteirão Italiano ainda não aconteceu formalmente. Mesmo que novos alunos já treinem no local, a divisão de aprendizagem do Detran – RJ ainda não liberou o espaço na Avenida dos Pinheiros. Enquanto isso, moradores do Quitandinha, que até entraram na Justiça com um pedido de alteração do local utilizado pelas autoescolas, convivem com os transtornos pelo menos até o fim do mês. São cinco provas agendadas nos próximos dias 19, 20, 26, 30 e 31 para a Avenida Getúlio Vargas.
“Aconteceu que a vaga dos ônibus ficou um pouco estreita. Acionei a CPTrans, que já fez as mudanças e promoveu o alargamento da via. Agora vou ligar para o Detran e tentar mudar o local o mais rápido possível. O chefe da divisão de aprendizagem já esteve aqui e uma nova vistoria vai formalizar a mudança”, informou  Luis Marcelo Gontijo, diretor da Marcelo’s Autoescola e representante do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino para Condutores de Veículos Motorizados – RJ.
Na Avenida dos Pinheiros são 10 vagas para carros e duas para ônibus. O novo circuito para as provas terá cerca de 750m, partindo da Avenida dos Pinheiros, seguindo pela Rua Prefeito Yedo Fiúza e voltando pela Rua Ângelo João Brand, terminando no cruzamento da Travessa das Amendoeiras com a primeira via.
A polêmica envolvendo autoescolas e moradores do bairro Quitandinha começou no ano passado. Um Termo de Ajustamento de Conduta assinado por representantes da Associação de Moradores do Conjunto do Patrimônio Arquitetônico e Paisagístico do Hotel Quitandinha, pelos proprietários das autoescolas e pela CPTrans, no Ministério Público Estadual, deu prazo para que fosse encontrada uma nova área para treinamento e exames do Detran. O Quarteirão Italiano foi a área escolhida.

2 comentários:

  1. As auto-escolas teanformaram o Quarteirão Italiano, outrora um bairro pacato e agradável em ruas tumultuadas, trânsito e poluição intensa e muito lixo nas ruas jogados por alunos e professores. A Prefeitura e o Detran tinham que comprar um terreno somente para os treinos e as provas e não submeter moradores dos bairros ao caos promovidos pelas auto-escolas.

    ResponderExcluir
  2. Alguém sabe como posso entrar em contato o presidente da associação de moradores do quarteirão italiano? Obrigada.

    ResponderExcluir