sábado, 21 de janeiro de 2012

Com feriado no Rio, carioca sobe a serra e lota pontos turísticos

Tribuna de Petrópolis - 21/01/2012

Em frente ao Museu Imperial, a invasão de turistas provocou confusão: carros estacionaram no lugar das vitórias
Com o dia de sol e o feriado no Rio de Janeiro, muitos turistas deixaram a praia de lado e subiram a serra para aproveitar a data descansando em Petrópolis. Grande parte visitou os principais pontos turísticos da cidade, outra lotou o distrito de Itaipava ontem. O Museu Imperial, a Catedral São Pedro de Alcântara, o Museu Casa de Santos Dumont e o Palácio de Cristal continuam sendo privilegiados, mas houve gente que se encantou mesmo com o Museu de Cera, que tem apenas quatro meses de funcionamento. Foi o que aconteceu com um casal carioca.
“Já conhecemos Petrópolis há bastante tempo e escolhemos a cidade neste feriado, pois é um local que pode ser visitado a pé, sem utilizar o carro. E é legal por conservar um ar bucólico, é uma cidade com a arquitetura histórica preservada. Mas o que nos chamou mais atenção dessa vez foi o Museu de Cera, a cenografia é perfeita. Para quem ainda não foi ao Madame Tussauds deu um gostinho de quero mais”, contou a fotógrafa Gisele Pinheiro, acompanhada do militar Eduardo Martins.
Outro casal que esteve visitando a Cidade Imperial ontem e se encantou com as belezas serranas foi a atendente Luciana Teixeira e o técnico de informática Thiago Santos. Na companhia de um mapa, traçaram o planejamento para dois dias em Petrópolis, terminando o passeio nesse sábado. “Vim pra conhecer Petrópolis, que o Thiago falava das lembranças que tinha daqui quando criança. Viemos motivados pelo feriado de São Sebastião no Rio. Vamos nos hospedar em uma pousada e continuaremos o passeio amanhã (hoje)”, revelou Luciana.
Se por um lado os condutores de vitória comemoravam um dia de bom movimento ontem, após um período fraco, do outro eles tiveram um problema para estacionar os seu veículos. É que motoristas pararam os carros na vaga das vitórias e estas ficavam quase no meio da Rua da Imperatriz, atrapalhando o trânsito, à espera de ter o espaço desocupado. Armando Fernando Cecílio, que trabalha no local há 50 anos, disse que a situação está acontecendo com freqüência.
“Muitos carros ficam parados nas nossas vagas. Não sei se é pela falta de estacionamento da cidade. Acredito mais que seja pelo local não ter cobrança da prefeitura, fica de graça. Eu já vi alguns terem incentivo dos lavadores de carro. Assim as vitórias ficam no meio da rua à espera de vaga e põem os cavalos em risco”, declarou ele. Uma agente da CPTrans multou os veículos estacionados em local irregular, poucos minutos depois.

2 comentários:

  1. Achoq ue se demorasse mais pra acharmos uma vaga meu pai teria cometido essa infração kkkkk, mas agora tem cobrança da prefeitura para estacionar e tem sempre alguém avisando que não pode estacionar na vaga das vitórias. Obrigada pelas dicas! Vou visitar sim o museu de cera eos outros que vc indicou. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Ressuscitou esse meu post haha Mas o estacionamento está difícil em Petrópolis mesmo. Quem vem de fora deve estar bem atento.

      Excluir