terça-feira, 29 de março de 2011

Hotéis esperam que movimento de turistas volte ao normal na Páscoa

Tribuna de Petrópolis - 29/03/2011


Enquanto os hotéis e pousadas da região se recuperam dos estragos decorrentes da chuva em janeiro, uma ocasião faz gerar boas expectativas entre os empresários petropolitanos. É que no próximo mês, a Semana Santa vai contar também com dois feriados, 21 e 23 de abril, o que vai ajudar muitos empreendimentos a ter a casa cheia nestes dias. Os pacotes são oferecidos para o período de 20 a 24 de abril. 
“No ano passado tivemos 100% de ocupação, já que a hospedagem na Semana Santa tem uma boa procura. Até o momento, temos 30% das acomodações já reservadas. A nossa expectativa é conseguir fechar as reservas bem perto da data”, disse Hugo Leonardo, coordenador de eventos do Bomtempo Resort.
O resort tem pacotes entre R$ 3.540 e R$ 6.370 para o período. Crianças até cinco anos não pagam. As reservas podem ser feitas pela internet. Grande parcela dos hóspedes no Bomtempo Resort vem do Rio de Janeiro e, de acordo com Hugo Leonardo, o que tem feito mais falta nesse período é uma maior participação do turismo corporativo, que sempre foi assíduo no local e nesse ano apareceu pouco.
O Hotel Pedra Bonita também oferece um pacote de Páscoa com café da manhã e almoço incluídos. Os pacotes promocionais variam entre R$ 2.300 e R$ 2.600. As crianças acima de cinco anos pagam 20% do valor. De acordo com o hotel, o movimento já está voltando ao normal. Com 40% das vagas reservadas, a expectativa é conseguir a lotação, como ocorreu em 2010. A administração confia também no público que já conhece o local.
O Hotel Pousada dos Pirineus oferece pacotes entre R$ 1.400 e R$ 2.600 para quatro noites na Semana Santa, mas esses valores podem cair caso a pessoa deseje fazer o pagamento no ato da reserva, através de depósito bancário. O preço pode baixar em mais de R$ 100. O hotel informa que dá essa opção do depósito integral como um diferencial, já que existe no mercado a política do pagamento de 50% do pacote quando é feita a reserva.
“No ano passado foi mais tranquilo para conquistar hóspedes. Até existem algumas consultas pelos pacotes, mas a procura ainda é pouca”, disse Bruno Wanderley, proprietário do hotel e novo presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau. “A recuperação na região vai acontecer. A nossa luta agora é pelo prejuízo, pois a diária é um produto perecível, se você não vende no dia acaba perdendo o produto. Esperamos que a procura na Semana Santa seja superior ao que foi no Carnaval. A região ainda atrai muita gente”, completou ele.
Bruno disse ainda que os empresários têm feito um trabalho duro para recuperar as perdas desse início de 2011 e que ainda é preciso criar condições para as pessoas voltarem a visitar a região mais rapidamente. Mesmo que os turistas provenientes do Rio de Janeiro representem uma faixa considerável,  paulistas e mineiros também costumam se hospedar na cidade nos feriados. Ele citou também que a ajuda financeira de órgão públicos como o BNDES é muito importante para a retomada do setor hoteleiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário