domingo, 31 de julho de 2011

Mudanças na feira ainda estão em avaliação

Tribuna de Petrópolis - 31/07/2011


Uma das propostas é de se criar um shopping popular sobre a antiga rodoviária

Apesar das propostas de mudanças na feira livre, nenhuma alteração deve ser feita em curto espaço de tempo. Pelo menos  é o que diz o secretário de Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Agricultura, Robson Cardinelli, que assumiu a pasta no início de junho. Em entrevista à Tribuna, ele destacou as melhorias que já feitas no local e disse que está conversando com o secretário de Planejamento e Urbanismo, Agnaldo Goivinho, sobre a realização de obras que podem até garantir um prédio próprio para a feira.
“Estou há dois meses na secretaria e uma das primeiras coisas que fiz ao entrar nesse governo foi visitar a feira. Depois disso, já realizamos a desratização da área e vamos colocar uma tela de proteção na beira do rio que evite a queda de detritos na água. Ressaltou também o apoio da Comdep e a manutenção da organização na feira. Este é um dos pontos que faço questão de cuidar mais de perto e reconheço que eles merecem um espaço melhor, tanto que já iniciei conversas sobre projetos com o secretário Goivinho”, informou Robson Cardinelli.
Robson já atuou na mesma área no governo passado. Ele foi secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico no governo Rubens Bomtempo e uma de suas ações na pasta foi a mudança da feira da Ponte Fones para o local em frente  à atual sede da Comdep, na Rua General Rondon, no Quitandinha. Cardinelli disse que os feirantes não gostaram muito da mudança, mas acabaram aprovando a medida depois de algum tempo.
Na manhã desta terça-feira o secretário volta a visitar a feira livre  do Centro e pretende conversar com feirantes e consumidores. “Após a reforma do Centro Histórico, aquela área tem sido muito utilizada para a carga e descarga. Nos dias em que a feira funciona, o trânsito do Centro fica mais complicado por causa disso. Compartilhamos ideias com a secretaria de Planejamento, mas precisamos buscar alternativas de espaço e sabemos que não é tão simples assim”, declarou ele.
Robson fez questão de ressaltar o bom relacionamento que ele tem com a categoria. “Tenho uma atenção especial, um carinho muito grande por aquelas pessoas”, relatou ele. Em relação a possíveis obras de acomodação da atual feira livre, ele acrescentou ainda que é preciso pensar bastante, pois é um local que também tem fácil acesso devido aos pontos de ônibus próximos. No mês de agosto, a secretaria irá promover um almoço para comemorar o dia do feirante e continuará também com as melhorias do espaço do Hortomercado Municipal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário