segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Ex-reitor do Seminário Diocesano, Dom Gilson de Andrade é ordenado bispo

Tribuna de Petrópolis - 25/09/2011 - Reportagem de Rogério Tosta

O bispo Dom Filippo Santoro fez a ordenação de Dom Gilson de Andrade em missa na Catedral São Pedro de Alcântara. A igreja estava lotada
Dom Gilson de Andrade Silva foi ordenado bispo na manhã de sábado, dia 24 de setembro, com missa celebrada na Catedral São Pedro de Alcântara, Petrópolis (RJ). Ao final de missa, Dom Gilson Andrade agradeceu a todos que contribuíram com sua formação, ressaltando a importância da sua família e dos amigos sacerdotes que lhe ajudaram ao longo de seu ministério sacerdotal.
A posse do Dom Gilson de Andrade Silva na Arquidiocese de São Salvador como bispo auxiliar acontecerá no dia 10 de outubro, mas neste domingo ele vai presidir a missa da 9h, na Igreja Nossa Senhora do Rosário. No mesmo dia, celebra missa, às 18h30, na Igreja Nossa Senhora do Amor Divino, em Corrêas, e no dia 28, às 19h30, celebra na Igreja Santana e São Joaquim, Matriz de Cascatinha, todos em Petrópolis.
Além de Dom Filippo Santoro, bispo de Petrópolis, que presidiu a missa e foi o ordenante principal, a celebração contou ainda como co-ordenantes com Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger, arcebispo primaz da Arquidiocese de São Salvador, e Dom frei Alano Maria Pena, arcebispo de Niterói. Ainda estavam presentes o arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, e o primaz emérito do Brasil, Dom Geraldo Majella Agnelo. Também estava presente Dom Paulo Machado, bispo de Uberlândia, que foi reitor do Seminário de Petrópolis, quando Dom Gilson foi vice-reitor. A missa contou ainda com a presença de vários sacerdotes, familiares e amigos de Dom Gilson.
Em seus agradecimentos, Dom Gilson de Andrade agradeceu a Dom José Fernandes Veloso, segundo bispo de Petrópolis, já falecido, que o ordenou, e a monsenhor Jorge Fachini, que foi seu reitor no Seminário Diocesano Nossa Senhora do Amor Divino, onde também foi reitor, quando da sua nomeação como bispo. Dom Gilson de Andrade agradeceu a Dom Filippo Santoro, bispo de Petrópolis, por ter confiado a ele vários trabalhos, frisando “é um verdadeiro pastor desta igreja e que muito incentiva os sacerdotes”.
Na homilia, Dom Filippo Santoro ressaltou a importância do bispo para a continuidade do anúncio do evangelho de Cristo, lembrando que chamado de Dom Gilson para ser bispo: “Jesus o chama para dar continuidade ao trabalho dos 12 apóstolos”. Dom Filippo lembrou a dedicação de Dom Gilson como sacerdote da Diocese de Petrópolis e os trabalhos realizados por ele, sua dedicação à formação dos futuros sacerdotes e sua dedicação à Pastoral da Juventude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário