sábado, 24 de setembro de 2011

Estiagem já prejudica o abastecimento de água

Tribuna de Petrópolis - 24/09/2011

Com mais de dois meses sem que as chuvas mais fortes possam ajudar a encher os mananciais da Estação de Tratamento de Água do Bonfim, o volume dos reservatórios registrou uma queda de 45%. Isso irá provocar uma diminuição do abastecimento para os bairros de  Corrêas, Nogueira, Bonsucesso, Samambaia, Castelo São Manoel, Bairro da Glória, Águas Lindas, Calembe, Jardim Salvador, Caetitu e adjacências. Alguns moradores já sentem esses efeitos.
“Não caiu água na quarta e nem na quinta-feira. Só foi cair hoje de manhã (ontem) e mesmo assim foi pouco. Com essa questão das queimadas, que estão secando tudo, vai ficar pior ainda”, declarou o aposentado Antônio Alves Soares. Ele mora no Roseiral, onde uma antiga bica da Rua José Teixeira Milagre, próximo ao número 30, é a garantia de abastecimento para os habitantes do logradouro.
A concessionária Águas do Imperador colocou à disposição de seus clientes quatro caminhões-pipa que abastecem hospitais, creches, conjuntos habitacionais e escolas. Estes são usuários que consomem mais água e não podem ficar desabastecidos. É esperado que o volume de água disponível nas redes seja suficiente para os demais consumidores. O esquema de reforço feito pelos caminhões-pipa funcionará dia e noite, até que os mananciais se recuperem.
Nas outras regiões de Petrópolis, o abastecimento é satisfatório, pois há dois meses estão em funcionamento os sistemas alternativos de abastecimento – Rio da Cidade e Ponte de Ferro – que agregam ao sistema de abastecimento mais 30% do total da água distribuída diariamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário