domingo, 18 de dezembro de 2011

Chuva dá trégua e petropolitanos vão às compras

Tribuna de Petrópolis - 18/12/2011

Na Rua Teresa, petropolitanos e turistas encheram as lojas e aumentaram o clima de otimismo entre os lojistas
Tendo a expectativa de efetuar boas vendas no último fim de semana que antecede o Natal, os lojistas da Rua Teresa, Rua do Imperador e Dezesseis de Março abriram as suas portas ontem, no dia em que a chuva deu uma trégua. Muitos turistas do Rio de Janeiro aproveitaram para subir a serra e os empresários esperam que o bom movimento seja repetido hoje para salvar um mês aquém do esperado.
“É a segunda vez que venho na Rua Teresa, a primeira foi no ano passado. Estou acompanhando a minha esposa e temos o objetivo de comprar presentes e também levar algumas peças para consumo próprio. O que chama a atenção aqui é o bom preço e ter uma cidade mais agradável para poder andar com calma e fazer as compras. Chegamos na sexta, ficamos hospedados em uma pousada e assim pudemos aproveitar melhor o sábado e ainda reservar um tempo para passear no fim do dia”, declarou Rafael Santos, analista de TI e morador do Rio de Janeiro.
Ontem havia ainda um grande número de ônibus de turismo estacionados na localidade e algumas vans também. Em frente ao número 1005 da Rua Teresa dois carros foram multados. Como a questão de estacionamento costuma ser um problema para muitos visitantes, a solução encontrada pela família da carioca Nair Pereira dos Santos foi chegar bem cedo, antes da abertura das lojas, para conseguir uma vaga na via pública.
“Costumo vir aqui umas duas vezes no ano. Vim comprar roupas para utilizar nas festas de fim de ano e outras para o uso cotidiano, além de levar alguns presentes para amigos e parentes. O diferencial daqui é poder comprar peças de vestuário que eu não encontro onde eu moro, sem contar a variedade. Em Campo Grande é sempre o mesmo estilo que fica a venda e mulher não gosta de sair e ver uma pessoa vestida igual”, enfatizou a enfermeira Nair.
Para o empresário Rafael Corrêa, diretor financeiro da Associação da Rua Teresa (Arte), o movimento registrado ontem foi bom. “A nossa expectativa é atingir um crescimento de 15 a 20% em relação ao que vendemos no ano passado. O consumidor demorou um pouco a aparecer neste ano. Não chegaremos a grandes números, o mercado só começou a se aquecer agora e torcemos para que essa última semana antes do Natal seja de boas vendas”, frisou ele.
As lojas do Centro Histórico, dos polos de moda da Rua Teresa e do Bingen estarão funcionando normalmente hoje em horário comercial. As lojas, shoppings e centros comerciais dos distritos, incluindo Itaipava, também estarão de portas abertas. A Feirinha de Itaipava segue aberta durante toda a semana, das 10h às 21h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário