sábado, 14 de maio de 2011

Silmar defende Ouvidoria da Saúde

Tribuna de Petrópolis - 13/05/2011


Segundo Silmar, a nova ouvidoria ficará subordinada ao Conselho de Saúde

O vereador Silmar Fortes (PMDB) fez nesta semana uma indicação ao Executivo para que seja elaborado um projeto de lei que disponha sobre a criação da Ouvidoria da Saúde em Petrópolis. De acordo com ele, a criação desse órgão já estava prevista no Plano Municipal da área. A ouvidoria ficará subordinada ao Conselho Municipal de Saúde (ComSaúde). Agora cabe ao governo municipal preparar a lei e depois enviá-la à Câmara Municipal para aprovação.
“O conselho, junto com a Secretaria de Saúde, vai cuidar de todo o processo de criação da Ouvidoria. Vão convocar também as pessoas que quiserem colaborar e futuramente ocupar esta função. Vários municípios do Rio de Janeiro já têm o ouvidor da saúde, que é um instrumento democrático e participativo. E até a Câmara possui o Ouvidor do Povo”, disse Silmar Fortes.
Na reunião ordinária dos vereadores da última terça-feira, Márcio Muniz (PSC) e Gil Magno (PSB) comentaram a indicação de Silmar. Muniz disse que a criação da ouvidoria é muito importante e cuidará de uma área essencial. Ele lembrou também que o cargo não será remunerado e, assim, a procura das pessoas para ocupar a função não deve ser grande. Já Gil Magno destacou que a posição exigirá muito empenho e precisaria de uma compensação financeira.
“Esperamos agora que o Executivo aprecie a questão e envie um projeto de lei ao Legislativo para que seja atingida a meta prevista no Plano Municipal de Saúde. A ouvidoria servirá para que a população faça as suas sugestões, críticas, reclamações e até propostas de melhoria. Hoje, o Alcides Carneiro já tem a sua ouvidoria e vemos a necessidade do município de também ter a sua”, declarou o vereador.
Silmar conhece de perto os erros e acertos da saúde no município. Ele  trabalha no sistema público desde 1981, quando iniciou suas atividades no Hospital Municipal Nelson Sá Earp. O vereador Silmar Leite Fortes recebeu das mãos de Wagner Silva (PPS) uma Moção Congratulatória pelo Dia do Enfermeiro, durante a sessão plenária. Ele é formado em enfermagem pela Universidade Católica de Petrópolis, com especialização em Sanitarismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário