sábado, 30 de abril de 2011

Limpeza de terreno ao lado do prédio do Legislativo chama a atenção

Tribuna de Petrópolis - 30/04/2011


Um antigo projeto, vetado pelo Iphan, previa a construção de um anexo à Câmara Municipal no terreno

Funcionários da Prefeitura fizeram ontem limpeza no terreno localizado entre a Câmara Municipal e o Centro de Cultura Raul de Leoni. O fato chamou a atenção de algumas pessoas que passavam pelo local. Vale lembrar que na mesma área já foi cogitada a construção de um prédio anexo da Câmara, quando o atual prefeito, Paulo Mustrangi, ainda era vereador e presidente da casa. O diretor administrativo, Bruno Pereira Macedo, explicou o que foi feito no local e descartou a utilização do espaço para a edificação.
“A grama estava alta e o mato em volta também, tanto que as telhas agora à mostra estavam cobertas. Retiramos grande quantidade de materiais resultantes de entulho de uma antiga obra. E todo esse material será recolhido pela Comdep. O trecho de mata do terreno não foi mexido”, garantiu Bruno.
Segundo ele, há muitos anos que a área não sofria qualquer tipo de intervenção. Por aquele caminho era feita a entrada de alunos do Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio, mas há bastante tempo esta entrada foi desativada. A partir desse momento é que o mato e o lixo começaram a se acumular ali. 
“Em relação a obras, sei que não foi autorizada pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) a construção de um segundo pavimento na casa anexa. O que existe de concreto é a possível utilização de salas que ficam embaixo do pátio do Liceu Municipal. Elas nunca foram ocupadas pela escola e estão cedidas verbalmente. Falta agora um acordo formal. O pátio tem rachaduras e precisaria ser feita uma boa reforma”, contou Bruno.
Como em 2014 o número de vagas para vereador pode aumentar de 15 para 21, algumas salas da Câmara Municipal deverão dar lugar aos gabinetes, por isso as salas do Liceu Municipal, que servem de depósito no momento, podem receber melhorias. O novo espaço passaria a fazer parte do funcionamento da Câmara Municipal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário