quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Troca de técnicos movimenta o Campeonato Brasileiro

Como de costume no histórico do Campeonato Brasileiro, quando as vitórias se tornam raras, o primeiro a rodar é o técnico. Nos últimos dias a troca de treinadores foi grande.
Na derrota para o Fluminense, Silas deixou o comando do Grêmio para a volta do ídolo Renato Gaúcho, consagrado pelos dois gols contra o Hamburgo-ALE, na final do Mundial Interclubes de 1983, maior título do clube gaúcho. É a grande chance de Renato se firmar no cenário nacional, após passar por Fluminense, Vasco e Bahia.
Mesmo com a terceira posição na tabela, só a colocação não foi suficiente para a manutenção de Estevam Soares que deixa a vaga para Mario Sérgio no Ceará.
Toninho Cecílio deixa o Grêmio Prudente e assume o Vitória, que tinha Ricardo Silva como treinador.
E o São Paulo, que já havia perdido Ricardo Gomes após a eliminação da Libertadores, anunciou que Sérgio Baresi fica no comando do tricolor até o fim do ano. Baresi é técnico das categorias de base do time do Morumbi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário